Escolha uma Página

Sondagens a Percussão (SPT)

Ao idealizar uma obra, todos desejam garantir o menor custo possível e evitar surpresas ao longo do caminho. Mas, além disso, toda obra também deve ser segura e atender as normas brasileiras vigentes.

Por essa razão, o equilíbrio entre custo e benefício deve ser cauteloso. As sondagens a percussão, como você verá mais adiante, são essenciais para garantir segurança e gerar uma economia inteligente na execução do projeto de fundação, pavimentos, taludes e outras obras de engenharia.

Quando não executadas ou, ainda, quando mal feitas,  e sem laboratório apropriado para analisar as amostras de solo, os resultados das sondagens são imprecisos e podem indicar erroneamente a resistência, as camadas dos solos e a posição do lençol freático (quando existente), o que certamente ocasionará problemas futuros de fundação.

Para evitar dores de cabeça e economizar de forma inteligente com a obra, a Civilsolo oferece serviços de sondagens de qualidade em conformidade com as normas brasileiras vigentes, como principal estratégia para iniciar um projeto de fundação.

Sem gastos inesperados ou dimensionamentos equivocados dos projetos, a Civilsolo garante “a certeza de um bom começo” com sondagens de qualidade, executadas e analisadas por equipes de campo treinadas, laboratoristas experientes e engenheiros especializados. Confira mais detalhes a seguir.

Conhecer o solo é essencial para qualquer tipo de construção

Assista esse curto vídeo e entenda a importância de conhecer o solo antes de fazer a fundação de sua casa ou empreendimento.

Por que escolher a Civilsolo?

Nós somos especialistas em geotecnia e fundações. Atuamos há mais de 50 anos do mercado, com equipes de campo bem treinadas e conhecimento geotécnico especializado, executando e analisando sondagens em Jundiaí e região para inúmeras construções e empreendimentos de pequeno, médio e grande porte.

Nossa estrutura possui um laboratório bem equipado com capacidade acurada de análise das amostras extraídas nas sondagens, garantindo confiabilidade aos resultados.

Além disso, estendemos nossas atividades além do papel de agente executor. Nossa equipe proporciona um suporte técnico especializado com acompanhamento assistido durante e após a realização dos trabalhos, sem quaisquer custos adicionais.

Estrutura De Construcao
Estrutura De Construcao
blank

O que é Sondagem a Percussão?

A sondagem a percussão, com a medida SPT (do inglês, Standard Penetration Test) é um procedimento realizado para reconhecer as propriedades geotécnicas do subsolo. Normatizado pela NBR-6484:2001, é um ensaio simples utilizando um equipamento “padrão” para penetrar o solo.

Para execução das sondagens levamos em consideração o tamanho do terreno, o tipo de empreendimento e o projeto arquitetônico da obra. A Civilsolo tem equipes de campo preparadas para sua realização e engenheiros especializados para assegurar a qualidade e confiabilidade nos seus laudos e resultados.

Vantagens

N

Simplicidade do Equipamento;

N
Baixo custo, quando comparado a outros métodos;
N

Identificação táctil visual das diferentes camadas do solo;

N

Correlações com outras propriedades geotécnicas;

N

Qualidade e controle dos resultados;

N

Possibilidade de execução em locais de difícil acesso.

Desvantagens

M

Limitações por blocos e rochas;

Qual a finalidade das sondagens?

Escritorio Civilsolo

O solo precisa suportar as cargas provenientes das estruturas das construções que irá receber e, para isso, é necessário conhecê-lo. Visualize a sondagem como uma radiografia completa do subsolo. Sem esse estudo em profundidade, há uma grande probabilidade de superdimensionar ou subdimensionar as fundações, gerando custos desnecessários ou problemas futuros.

Por essas e outras razões, a sondagem a percussão é um procedimento técnico indispensável para qualquer tipo de obra ou empreendimento. Assim, os projetos mal elaborados são evitados e uma economia inteligente é garantida no custo total da construção.

O objetivo final da sondagem é caracterizar o subsolo, identificando: as camadas do solo (estratigrafia), os tipos de solo, a resistência ao longo da profundidade perfurada e a posição do nível do lençol freático.

Com a realização das sondagens, o NSPT (índice de resistência a penetração do SPT) é obtido a cada metro perfurado a fim de obter a resistência à penetração do solo ao longo da profundidade. Os resultados desse índice são importantes para subsidiar, junto com as cargas consideradas no projeto estrutural, a elaboração do projeto de fundação da residência ou empreendimento.

Em termos simples, a sondagem traduzirá a resistência do solo. Exemplificando, quanto menor a resistência do solo, mais reforçada deverá ser a fundação. Sem esse conhecimento, o projeto não irá caracterizar corretamente o subsolo e resultará em uma fundação mal projetada, com sérios riscos e prejuízos à construção.

Os parâmetros geotécnicos fornecidos pela sondagem, além de utilizados em projetos de fundação, apoiam estudos de estabilidade de taludes, estruturas de contenção, e demais obras de engenharia, garantindo segurança e confiabilidade para diversos empreendimentos.

COMO AS SONDAGENS SÃO REALIZADAS?

A Civilsolo possui equipamentos e  caminhões para mobilização do serviço. As equipes de campo realizam a limpeza do terreno ao redor dos piquetes a fim de deixar a superfície livre de obstáculos para instalar os tripés de sondagem.

Com a localização dos pontos de sondagens no terreno e os tripés instalados, os ensaios de sondagem são iniciados com a cravação de um amostrador padrão por meio de um martelo de 65 kgf que  cai em queda livre a uma altura de 75 cm. A quantidade de golpes necessários para que o amostrador penetre os primeiros 45 cm do solo são anotadas a cada 15 cm de cravação para cada metro perfurado.

Após o primeiro ensaio de cravação, o amostrador é retirado e, utilizando o trado helicoidal, mais um metro de profundidade é escavado. O amostrador é inserido novamente e o processo recomeça, acoplando os segmentos de hastes conectados por luvas conforme ocorre o avanço de profundidade, até atingir o critério de paralisação definido previamente conforme o tipo de construção, ou quando for impenetrável à percussão.

Durante a sondagem, se o lençol freático for atingido, o trado helicoidal será trocado pelo método de perfuração por circulação de água, conhecido por lavagem. Também isso ocorre, quando a perfuração do trado helicoidal for inferior a 50 mm após dez minutos de operação, mesmo em solo seco. O material escavado é removido mediante a circulação de água, realizada por uma bomba d’água motorizada.

As amostras de solo coletadas pelo amostrador padrão são armazenadas em saquinhos plásticos devidamente fechados e etiquetados com as seguintes informações: nome do serviço, local da obra, número da sondagem, número da amostra e profundidade de penetração do amostrador.

A etapa final do trabalho consiste em calcular o valor do SPT, que é a soma dos golpes necessários dos últimos 30 cm. Por exemplo, em uma situação onde foram necessários 2 golpes para descer os primeiros 15 cm, 1 golpe para descer mais 15 cm e 3 golpes para descer os últimos 15 cm dos 45 cm medidos, os valores são coletados da seguinte forma 2/15, 1/15, 3/15. E, neste caso, o NSPT será 1/15 + 3/15 => 4/30 ou simplesmente 4 (4 golpes para descer os últimos 30 cm). 

O índice resultante indicará a resistência final do solo do terreno a cada metro perfurado e as amostras apresentarão todas as características necessárias para a definição completa do solo.

Devido a heterogeneidade dos solos, apesar da quantidade mínima de sondagens ser estabelecida por normas técnicas, é importante a avaliação técnica do engenheiro geotécnico para que o número de pontos de sondagem seja compatível com o empreendimento projetado.

A norma NBR-8036:1983 determina os números mínimos de sondagens conforme a área a ser construída:

  • Até 200 m², duas sondagens;
  • De 200 m² a 400 m², três sondagens;
  • De 400 m² a 1200 m², uma sondagem a cada 200 m²;
  • De 1200 m² a 2400 m², uma sondagem a cada 400 m²;
  • Acima de 2400 m², o número de sondagens fica a critério do engenheiro responsável.
Escritorio Civilsolo

Requisitos necessários
antes das Sondagens

N

Localização da Obra;

N
Projeto arquitetônico;
N
Levantamento planialtimétrico, para obras de médio e grande porte;
N
Locação topográfica dos pontos de sondagens, para obras de médio e grande porte;

Um investimento
que vale a pena

Na Civilsolo operamos com equipes de campo treinadas e preparadas para a realização de boas práticas de  sondagem. Além disso, nossos engenheiros colaboram com a obra de acordo com as necessidades de cada projeto para garantir laudos de sondagem precisos e confiáveis.

Investir em sondagens implica uma economia direta na obra, porque, ao conhecer o solo, a fundação será dimensionada e executada com a precisão necessária, nem mais e nem menos.

Clientes que recomendam a Civilsolo

Contratar a Civilsolo é uma experiência de colaboração mútua para atingir os resultados que você espera.

William Ruiz

Sondagem

Empresa muito sólida e séria, sinto orgulho em ser cliente e parceiro da Civil Solo.

Fabiano Fabrício

Fornecimento de Laudos

Excelente empresa. Profissionais extremamente atenciosos e receptivos. Precisei de uma documentação de uma obra de 10 anos atrás e tudo me foi fornecido. Essa mesma obra nunca apresentou nenhum tipo de problemas estruturais relacionados ao serviço prestado. RECOMENDO.

Marcio Parimoscki

Fornecimento de Laudos

Trabalho feito com extrema competência e pessoal muito atencioso.